O SILÊNCIO QUE NECESSITO…

Fugi de mim ontem…
Trazendo serenidade hoje para o silêncio que necessito, tornando-se para mim um meio único de liberdade e manifestação dos sentimentos..
Das escolhas…
Para enfim ouvir meus pensamentos não para entende-los, mas para deixa-los assim como estão…
Insanos…
Incertos…
Vagos e vãos….
Sem ruídos nem palavras
Faz-se necessário o meu silêncio
Pois quando a vontade se sobrepõe
O sonho toma forma …
Expande-se…

Indiscreto nas direcções tão imprevisíveis
Os imprevistos e o muito querer tombam nos sonhos e no silêncio das palavras nunca ditas…
Assim como as páginas dos livros nunca lidos…

E assim…No silêncio que tanto necessito
Ficam somente as feições
Esperando que a então magia aconteça…
E no silêncio das minhas palavras meus olhos te dirão então as mais belas palavras…
E aplacarei tua mágoa num simples gesto de apenas estar…
Para que no meu silêncio necessário eu possa ser a luz…
E que as minhas nenhumas palavras sejam sempre as tuas…
Dançando nos teus olhos nun ténue fio de memória que na lonjura ainda nos une infinitamente…..

Juliana Peloggia

Anúncios

3 pensamentos sobre “O SILÊNCIO QUE NECESSITO…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s