TENTAR

Eu tentei

Juro que tentei
Restaram esboços,lembranças vagas num peito que adoece.

Eu tentei mesmo que em vão.

E palavras nehumas seriam capazes de dizer mesmo que com algum sentido o que você me trouxe , mas também o que me Levou .
Quantos sonhos ficarão mais ficarão somente na memória?

Quantos amores passarão?

Quantas vidas terei de viver para com você me encontrar?
Quantos sonhos ei de ter até a mim você permanecer e ao meu lado viver?
Quero , como eu quero meu futuro prever …
Em cartas , diagramas , sonhos ou borras de café interpretados utopicamente …

Como será a vida em minha conformidade?

Será a melhor ou talvez a única escolha?

Não sei se me despeço em versos ou linhas frágeis com meu adeus cravado na única ponta de esperança que me resta , ou se espero mais um pouco para um possível despertar de luz e amor, vindo de você agora

Ah eu tentei de mais…
Esperei de mais…
E esta vida de mais não é a que eu quero

Quero ar puro e certezas
De qualquer coisa, mas real e não duvidosa
Quero as verdades, mesmo que doidas
E dores suportáveis
Quero o sim no presente, o não no futuro
Mas certa de quaisquer decisão, mesmo que intrínsita
Quero o sim, quero o som

Com os sabores e sua embriagues

Mas quero hoje
E não um dia talvez!!!!
Anúncios

3 pensamentos sobre “TENTAR

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s